Home >> Artigos
A Fé

A Fé


Texto dissertativo expondo  considerações a respeito das seguintes questões:

1) A que consequência pode conduzir uma fé que não argumenta, não busca se explicar, sem uma base racional?

2) Por outro lado, O que pode acontecer quando a fé se distancia de sua fonte, que é
escutar o testemunho da Palavra de Deus, e torna-se mais argumentação teórica?

3) O que pode ocorrer quando a fé não se alimenta da mística, não é vivida com o coração, expressa com sentimento e emoção?

4) Por fim, o que significa para você praticar a fé?

Desenvolvimento

Diante riqueza e profundidade dos estudos propostos sobre a racionalidade, a epistemologia, a afetividade e a práxis da fé, buscarei responder algumas questões referentes às consequências de uma fé que não é pautada no que lhe é essencial, ou seja, uma fé que não se dialoga com a razão, que não leva a uma experiência mística; que não é afetiva e experiencial, que não envolva o ser humano num todo; uma fé fora do contexto e da realidade que não busca a práxis. Buscarei refletir também sobre o que é a prática da fé.

Uma fé que não argumenta, não busca se explicar, sem uma base racional, podemos considerar uma fé vazia de sentido. Que pode levar o ser humano ao fanatismo religioso, criar fantasias, crendo em um Deus poderoso, mágico, vingativo, castigador etc.,. Um Deus que ao toque de mágica faz acontecer o milagre, o impossível. Uma fé assim infantiliza o ser humano e o leva a ter uma imagem distorcida de Deus. "A fé cristã não é confiança cega, e sim uma fé que enxerga de olhos abertos, pois não está desprovida de um objeto, mas tem um interlocutor que pode ser identificado na história, no presente e no futuro de Cristo". (CASTRO, Ricardo Gonçalves, p.70).

Por outro lado a fé que não busca fundamentar-se no testemunho da Palavra de Deus tornando-se mais argumentação teórica, foge da sua essência. Ela necessita argumentar-se em uma base racional, mas não deve se reduzir a ela, pois senão seria apenas uma ideologia. A fé é uma adesão a Deus e um comprometimento com seu Reino. É pela fé que respondemos ao chamado de Deus e nos aderimos ao seu projeto de amor. Essa adesão nos leva a transformação interior, ou seja, a conversão. A prática do bem, a caridade é fruto de uma verdadeira conversão. A fé deve ser vivida de forma sublime buscando argumentar-se em uma base racional sem perder a força do testemunho da palavra de Deus. O equilíbrio é essencial para uma fé madura. "Crer e conhecer são os dois lados da fé cristã, o pessoal e o objetivo. No crer, estabeleço uma relação pessoal com Cristo e vinculo meu presente com sua presença; no conhecer, estabeleço uma relação objetiva com Cristo e o percebo como Ele é". (CASTRO, Ricardo. Pentateuco e histórico p.70) Deus quando se manifesta por sua Palavra nos exige a fé e não nega a razão. Para que o ser humano possa se plenificar ele precisa compreender a sua fé (Rm 12,1).

A fé deve se alimentar constantemente da mística. A experiência mística é uma relação íntima e pessoal do ser humano com Deus. Aqui entra o mistério de Deus e o mistério do Ser humano. Quando não acontece esse processo pode acorrer um distanciamento de Deus, um vazio interior, onde vive uma "fé ideológica", onde a experiência de Deus não faz sentido. A mística nos leva a Práxis da fé.

A prática da fé consiste em fazer uma experiência profunda do mistério de Deus, que gera conversão e nos leva a uma verdadeira mística, transformando-nos em gratuidade e caridade para com o outro, ou seja, nos leva a um comprometimento com a vida em plenitude, em abundância.

Portanto a fé deve ser vivida de forma equilibrada levando em consideração todos os componentes que a teologia nos ensina de uma fé madura, que nos leva a entrar no mistério de Deus e em nosso próprio mistério, que nos torna mais humanos, integrados na sociedade de forma consciente e responsável. Uma fé que nos leva a sair do comodismo, da indiferença, da passividade, que nos torna comprometidos com o outro.

 

Referência:

CASTRO, Ricardo Gonçalves. Introdução à teologia. Batatais: Claretiano, 2013.

 

 

 

 

Ir. Zeli Garcia, mnsg


Todos os Artigos

Medalha Milagrosa de Nossa Senhora das Graças

Medalha Milagrosa de Nossa Senhora das Graças

Porque usamos a Medalha?

leia mais
O dia de finados

O dia de finados

Dia de rezarmos pelos nossos entes queridos.

leia mais
A missão de ser presença acolhedora onde Deus nos colocou

A missão de ser presença acolhedora onde Deus nos colocou

Missão Graciana em Costa Marques - Rondônia

leia mais
   Revelação: Palavra, Gestos e Sinais

Revelação: Palavra, Gestos e Sinais

A revelação como palavra, como encontro, como presença, como testemunho, como voz.

leia mais
 Mês da Bíblia 2017

Mês da Bíblia 2017

Estudo da 1ª Tessalonicenses- Anunciar o Evangelho e doar a própria vida! (cf. 1Ts 2,8).

leia mais
Família, braço amoroso de Deus

Família, braço amoroso de Deus

A família é um espaço sagrado de convivência, crescimento humano.

leia mais
QUEM? EU?

QUEM? EU?

Todos nós somos chamados a sermos santos e santas, essa é nossa principal vocação.

leia mais
Criação do universo e do ser humano

Criação do universo e do ser humano

Análise Bíblica acerca dos conteúdos da criação - Gênesis - capítulos 1-11.

leia mais
Aceitar Jesus

Aceitar Jesus

Aceitar Jesus seria apenas mudar de religião? Veja esta resposta?

leia mais
Irmãs Gracianas e Leigos(as) em Missão

Irmãs Gracianas e Leigos(as) em Missão

As Irmãs Gracianas de Ipanema juntamente com leigos(as) realizaram Visita Missionária.

leia mais
Compaixão Missionária

Compaixão Missionária

Poder falar da missão é realmente expressar algo muito próximo de nós.

leia mais
"RETIRE AS SANDALIAS"

"RETIRE AS SANDALIAS"

Uma leitura teológica do gesto de retirar as sandálias tão comum na cultura rondoniense.

leia mais
Fé

Questões referentes às consequências de uma fé que não é pautada no essencial.

leia mais
 História da Campanha da Fraternidade

História da Campanha da Fraternidade

Neste ano o tema é: " Fraternidade, biomas brasileiros e defesa da vida"

leia mais
 A TORRE DE BABEL

A TORRE DE BABEL

Entenda de que realmente fala o texto bíblico da Torre de Babel.

leia mais
 Graça na saudação Paulina

Graça na saudação Paulina

Compreenda qual é o sentido que Paulo dá à "graça" quando ele a usa em suas saudações.

leia mais
Encarnação

Encarnação

A visita divina no Novo Testamento acontece de forma mais intensa e pessoal, em uma criança frágil.

leia mais
A Fé

A Fé

Questões referentes á uma fé que não é pautada no que é essencial.

leia mais
Medianeira de todas as Graças

Medianeira de todas as Graças

Conheça um pouco da devoção a Nossa Senhora das Graças.

leia mais
Todos os Santos

Todos os Santos

Em comunhão com nossos irmãos que já partiram e deixaram exemplos de vida Cristã.

leia mais
Deus  e a  humanidade

Deus e a humanidade

Entre Deus e a humanidade, existe uma relação de amizade.

leia mais
O evangelizador itinerante ou adormecido

O evangelizador itinerante ou adormecido

Devemos fazer de nossos ambientes um espaço para o anúncio do evangelho.

leia mais
O ARCO-ÍRIS ENFEITIÇADOR

O ARCO-ÍRIS ENFEITIÇADOR

Não era um simples arco-íris como os outros. Este era diferente, encantador, exuberante.

leia mais
Conjugar o verbo AMAR: eis o desafio!

Conjugar o verbo AMAR: eis o desafio!

É no amar e no ser amado, que vamos nos encantando pelo amor e no amor;

leia mais
Bíblia, biblioteca de Deus e da humanidade:

Bíblia, biblioteca de Deus e da humanidade:

Bíblia, vem de uma palavra grega e significa "Livros".

leia mais
Oração e Vocação

Oração e Vocação

Assumir a vocação é um grande desafio.

leia mais
Animação Vocacional

Animação Vocacional

O Serviço de animação Vocacional existe para animar e promover as vocações na Igreja.

leia mais
Nossa Senhora das Graças da Medalha Milagrosa

Nossa Senhora das Graças da Medalha Milagrosa

A Virgem Maria desde a sua concepção é a cheia de graça.

leia mais
Importância da Vivência em Comunidade

Importância da Vivência em Comunidade

Refletir a atuação da comunidade na vida do educando.

leia mais
Um tempo litúrgico a nos preparar para as Alegrias Pascais..Quaresma

Um tempo litúrgico a nos preparar para as Alegrias Pascais..Quaresma

A quaresma é um tempo forte para nossa conversão:

leia mais
Porque você demorou

Porque você demorou

Demoramos a entender que nascemos para amar.

leia mais
São José

São José

A Bíblia pouco nos fala dele, mas é certo que José sempre esteve ao lado de Maria e de Jesus.

leia mais
Maria, mãe da Misericórdia

Maria, mãe da Misericórdia

Papa Francisco nos pede que aumente o nosso amor e confiança à Mãe de misericórdia.

leia mais
Vocação Missionária

Vocação Missionária

A Vocação Missionária tem suas raízes no próprio Batismo.

leia mais
Maria na Vida da Igreja

Maria na Vida da Igreja

Reconhece-se em Maria a Mãe de Jesus, a mãe da Igreja, a toda santa ....

leia mais
Missão ontem e hoje

Missão ontem e hoje

O horizonte da missão é imenso e requer muita audácia e coragem para abraçá-lo.

leia mais
Ser pobre junto aos pobres

Ser pobre junto aos pobres

A missão é exigente, mas é muito gratificante....

leia mais

Instituto Nossa Senhora das Graças

Irmãs Gracianas

Por Maria tudo ao Salvador!

FAÇA SEU PEDIDO DE ORAÇÃO

Copyrights © MMXVI Irmãs Gracianas | Produzido e Hospedado por Actio Comunicação | Template by W3layouts | Acessar webmail